Flertando com um cara

Eu não sei o que pensar

2020.11.17 16:09 miss_pequi Eu não sei o que pensar

Há algum tempo fiz um desabafo aqui sobre ir me encontrar com um cara que conheci na internet.
Eu fui! rsrs
Viajei mais de 15h, deu uma zebra na hospedagem mas no fim consegui um hotel, nós nos encontramos e foi ótimo. Aquela conexão não era só na internet.
Ele é uma cara incrível, embora muitas vezes nem ele perceba isso.
Ficamos 3 dias grudados, e eu juro que há muito tempo na minha vida não sabia o que era se sentir bem e protegida perto de um cara.
Apesar de tudo, antes mesmo de nos encontrarmos a gente já tinha falado sobre relacionamento. E que o que temos não tem obrigação nenhuma de virar nada, que seríamos livres. Afinal moramos longe... essas coisas.
E ao nos despedirmos, quando vim embora, assim ficou combinado.
O que acontece é que ele sempre me questiona comentários feitos por outros caras nos meus posts ou nas inteirações num grupo que participamos. Quero deixar claro que não são comentários explícitos mas denotam interesse em mim.
Da última vez que ele veio questionar um comentário eu fiquei muito chateada, primeiro pq não era flerte. Segundo pq o cara é meu amigo e casado, e ele sabe disso. Terceiro pq eu vejo as garotas flertando com ele no grupo e ele respondendo e eu nunca falei absolutamente nada.
Já deixei bem claro que não tenho interesse em ninguém e que se isso acontecer ele vai ser o primeiro a saber.
E além disso, lá no grupo, todo mundo vê como a gente se trata, de um marcando o outro em posts carinhosos e safados. Da forma carinhosa e até apaixonada que nos tratamos.
Ele já admitiu que sente ciúmes mas eu não tô sabendo lidar com isso. Ainda mais pq ele flerta muito por lá.
Eu não quero de jeito nenhum magoar ninguém, e muito menos ser magoada.
Talvez se ele realmente dissesse o que quer de mim...
submitted by miss_pequi to desabafos [link] [comments]


2020.11.05 20:16 um_anonimo2 Pq é tão difícil ficar sozinho?

Eu vivi minha vida valorizando "estar em uma relacionamento". Fosse ele um namoro sério, uma ficante ou simplesmente estar flertando com alguém. Entre e sai de tantos relacionamentos q perdi a conta, mas namoros foram uns 9 e eu tenho menos de 25 anos. O mais duradouro foi 1 ano.
Eles foram bem diversos entre si, mas uma coisa sempre esteve presente eu terminei todos os namoros, menos o último. Algumas ficantes simplesmente paravam de falar comigo, mas os namoros eu era o cara q dava o veredito de q n tava funcionando mais.
O meu último namoro foi meu primeiro, e espero q unico, namoro tóxico. Os outros TB tiveram brigas, mas esse foi muito pesado. Nós obviamente n combinavamos. Mas ela era a menina mais linda q já tinha se apaixonado por mim, super gostosa e tal. Mas ela vivia falando de terminar comigo, e terminou 3 vezes. Da primeira eu fiquei em prantos na frente dela. Na segunda eu fiquei triste mas deixei rolar, aí ela pediu pra voltar e eu aceitei. Na última eu n aceitei ela de volta. Eu tava arrasado... Ela me tratava como um lixo em vários momentos, mas eu TB retribuía sendo grosso em outros. Mas dá terceira vez eu n aceitei voltar com ela.
Ela ficou arrasada, ficou pedindo pra voltar. Falou q ia se tratar, q ia se tornar uma pessoa melhor e q a gente n tinha terminado, q so tava dando um tempo. E eu dizia "não, nós terminamos. Se vc quiser virar uma pessoa melhor e ir ao Psicólogo e se tratar blz, mas n vou te dar garantia de nada". O tempo passou e ela n mostrava melhora... Pedia espaço e ela continua insistindo, querendo saber se eu estava ficando com alguém e dizendo q n suportaria se eu estivesse. Falando q tava passando mal e q precisava de mim. Eu dei atenção a ela nas primeiras semanas mas eu n tava aguentando mais... Eu n podia tratar alguém q me fez tanto mal e terminou comigo como se estivesse tudo bem. No final ela veio dizer q eu estava enrolando ela... Sendo qnej disse q ela podia fazer o q quisesse sabe?... Eu fiquei com muita raiva na hora. Falei pra ela me deixar em paz. Ela disse q n era a opinião dela, e sim de uma amiga. Mas ela wuo jogar isso na minha cara e eu simplesmente parei de responder ela. Já tava sendo mais frio antes mas naquele ponto eu fui super claro: eu parei de responder ela.
Ela seguiu em frente, arrumou um namorado novo nas semanas seguintes. Eu fiquei feliz por ela. Mas reparei q ela fez o q eu sempre havia feito: sair de um e entrar em outro relacionamento. E eu decidi n repetir isso. Eu passaria um ano sozinho, n iria flertar com ninguém. E cá estou 11 meses depois sem flertar com ninguém... Vem sido difícil... A cada fracasso acadêmico/na vida social eu sindo mais vontade de ir falar com minha ex. É como se ter uma namorada linda pra mim fosse a solução dos meus problemas, fosse a validação máxima. O universo falando: vc tem valor...
Mas eu n falei com ela, nem flertei com ninguém. Tá cada vez mais difícil suportar... Mas eu n quero começar um namoro pra me sentir melhor... Eu quero só ficar bem sabe?... E não, eu n posso falar com ela, ela já era escrota antes, nunca via a dor do outro só a dela. Imagina depois se eu ter deixado ela n vácuo e com ela já estando namorando outra pessoa? Ela iria destruir o resto de mim q sobrou...
E isso... Se vc é novo e tá lendo isso n tenha preça em começar a beijar e namorar... E n namore ninguém por impulso ou por beleza meramente...
submitted by um_anonimo2 to desabafos [link] [comments]


2020.11.05 01:40 NotIdeas Olá, Me desculpe. Eu vi sua foto de perfil e eu achei você muito linda nesta foto, ((Eu gostaria de lhe dizer isto)) De fato, É muito raro de ver garotas assistindo filmes cult haha! Eu não sei porque isso é tão coisa de garoto e sinceramente eu sou tipo muito contra misoginia e tipo eu sou o cara q

Olá, Me desculpe. Eu vi sua foto de perfil e eu achei você muito linda nesta foto, ((Eu gostaria de lhe dizer isto)) De fato, É muito raro de ver garotas assistindo filmes cult haha! Eu não sei porque isso é tão coisa de garoto e sinceramente eu sou tipo muito contra misoginia e tipo eu sou o cara que estará na cozinha fazendo sanduíches ta ligado? Nós devíamos assistir TERRIFIER (2017) algum dia. É um filme de palhaço incel muito legal com vários momentos assustadores. Porém, Não se preocupe, Estarei aqui para protege-la ;) Desculpe, Não estou flertando eu juro eu só estou tentando ser amigável pois realmente gostei da sua foto de perfil desculpe será que fui longe demais? Mil perdões, Eu sou realmente muito tímido pois não saio muito haha me adiciona no Facebook ou Instagram e nós devíamos conversar mais, você aparenta ser bem legal e divertida. abraços...
submitted by NotIdeas to Copicola [link] [comments]


2020.11.04 10:50 eshiihihi Eu me culpei pelo erro dele.

Há um tempo atrás eu postei aqui me desabafo sobre eu estar sentindo falta de uma amizade. Era um cara que tava flertando comigo, deu grandes indícios de que gostava de mim, me chamava de "amor", falava que eu era crush dele publicamente e afins. Até que em junho ele se afastou de mim e sempre que eu conversava com ele, era tudo muito raso e acabava rápido. Em julho eu falei que gostava dele, ele disse que se sentiu lisonjeado, mas não sentia nada por causa de um "trauma", eu achei ok, ele falou que me ama como amigo e até aí tranquilo, só que, alguns minutos depois eu o mandei um textão xingando ele, falando que ele me chamava de tal coisa e sei lá o que pra depois vir me dizer que não sentia nada por mim e ele disse que só fez isso porque outras garotas faziam o mesmo e também pediu desculpas várias vezes e eu respondi que não precisava se desculpar porque ele não escolhe por quem vai sentir algo, mas ele ficou puto também e acabou falando que não ligava pra isso tudo, eu fiquei mais puto ainda e dei block, no dia seguinte eu tirei o block e ele ficou respondendo meus status do WhatsApp como uma tentativa de conversar comigo e a gente acabava conversando mesmo, depois de uma semana (eu acho), eu pedi desculpas por ter xingado ele e ele disse que entendia e que tava tudo bem. Mas tinha outro porém, eu tive várias crises de ansiedade que o gatilho era esse cara, eu acabei conversando com umas amigas e elas disseram pra eu me afastar o máximo possível e até apagar o número dele, e eu fiz isso. Depois de 2/3 meses eu comecei a achar que a culpa era minha e qur eu deveria me desculpar, minhas amigas disseram que eu não devia porque a culpa é dele, mas eu não as ouvi e então, no dia 1 de novembro eu fui falar com ele, fiz outro texto pedindo desculpas e falei das minhas crises também, ele disse que tava de boa, que nunca me odiaria e que ficaria feliz de continuar sendo meu amigo, eu fiquei bem feliz por isso e a gente acabou conversando e mudando de assunto. Só que, agora, eu tô me sentindo um burro, que eu não deveria ter pedido desculpas e deixado pra lá, eu tô me sentindo o próprio palhaço lambendo os pés desse cara. É provável que ele nem lembrasse mais de mim, mas eu fui lá que nem um cachorrinho voltar a falar com ele, e o pior de tudo, eu ainda acho que gosto dele romanticamente, isso que fode. O que me deixou mais triste foi ele ter me botado essa pilha de que gostava de mim e esperou que eu me confessasse pra dizer que não sentia nada, ele poderia ter me dito antes de se afastar né. Enfim, eu queria saber os meus erros e os dele, se alguém quiser me chamar no pv tá de boa.
submitted by eshiihihi to desabafos [link] [comments]


2020.10.19 07:17 yooo66666 Autosabotagem, pornografia e brochar.

Nem sei por onde começar... primeiramente tenho 20 anos e é realmente um pouco constrangedor escrever isso mesmo sabendo que ninguém me conhece, mas ok bora lá. A mais ou menos 2 anos eu terminei o meu ultimo namoro e já naquela época eu consumia pornografia mas era beeem menos, tanto que ainda não atrapalhava nada em minhas relações sexuais, tudo sempre flui numa boa, nunca pensei que poderia ter problemas com isso. Daí, dps do termino comecei a consumir mais a pornografia mas ainda tava dboa, me sentia tranquilo em relação a isso, trocava ideia com varias mina me sentindo bem e despreocupado, só que aí pro final de 2018 eu fui encontrar uma amiga minha e rolou minha primeira brochada, fiquei porra, desesperado na hora, com vergonha e pá(era a primeira vez da mina) nussss fiquei bem abalado serião, falei com uns amigos meus e eles foram suave, nem tiraram sarro, disseram que era normal, mas aí que começou o problema(deveria ter levado numa boa né, todo "mundo" leva isso numa boa, pq eu n iria) enfim, a partir daí comecei minha graaande jornada de autosabotagem e porra velho, até hj n consegui superar isso (como cara???? kkkk taloko) eu realmente rio disso, pq parece ser piada as vezes, eu gosto de mulher, gosto demais cara, e desde de essa época eu comecei a questionar tudo, minha sexualidade, pô problemas mentais, uma avalanche de pensamentos mesmo. (Tá, são muitas coisas a se falar e ainda to com vergonha de escrever isso, mas vamo lá)
Inicio de 2019 e eu tranquilo até ainda, sem nenhuma confusão mental aparente e ainda trocando ideia dboa com umas mina, aí conheci uma menina e a gente foi se aproximando, se beijou e pá, começou a rolar um amorzinho mas a gente n tinha transado ainda e aí um dia ela me chamou pra eu ir na casa dela, era carnaval, fui né, bebemos umas, fumamos uns beck e ficamo daquele jeitão né, delícia, pegação que num parava mais e aí começamo a tirar a roupa, ela me chupou(suave até então, meu pau tava levantado kkkkk) e eu tava dboa tb, eu chupei ela dps e aí bateu aquela ansiedade trevooosa, pq né o proximo passo seria nois fuder e assim... aiai.. eu tinha camisinha lá(ps: no meu ultimo namoro agnt transava so´sem camisinha praticamente) e mano, tremi nas base, falei pra ela q tava sem camisinha e né, ela tb nem tava afim de ir sem, e continuei chupando ela numa boa, mas né, pensando daquele jeitão nas coisa, preocupadasssso, uma lokura gente, aí blz, dormi la e de manha ela veio me cobrar q eu podia ter ido na farmacia e só dei uma desculpa(rapaziada por incrivel que parece n sou gay e eu me questionei bastante sobre isso, pode acreditar). Depois disso começou o desastre, toda vez q pensava em sexo pensava em brochada, instantâneo tipo, aí assim, quero resumir um pouco ne, mas vou falar oq me der na telha aqui. Dps desse ocorrido n falei pra ngm, nem amigo, nem psicologo, nem nd, malucao o cara ne, fala nem pra psicologo aiai, tabom. Dps com essa mina, de précha, broxei mais uma vez só q ai dessa vez foi na hora da penetração mesmo, aquela meia bomba que todo mundo adora, lindeza que só( to falando desse jeito pq acho q assim vo sentir menos otário) aí acabei me afastando dela (vergonha absurda, eu sou uma piada msm), deixei claro pra ela q o problema era cmg, e que ela era né MARAVILHOSA (pq de fato era kkk) aí meus manos e manas, nesse momento eu ja tava 0 bem das ideia(ps: faz mais de 1 ano isso e to desabafando isso só agora pra alguém ok) , escondendo tudo de todo mundo, mas transparecendo que tava tuddo deboa ne, kkk aiai. Que eu me lembre dps dessa mina passou um bom tempo q eu nem tentei nada com ngm(no sentido de ir pra hora H) e tipo, eu continuei flertando, com altas mina e dando idéia mas só na raso (olha o medo que tava, medo de brochar, eu sla, nem imagino falar isso pro meu amigo mais proximo q eu morro de vergonha sla) continuei flertando e pá ne, considero estar em um ponto bem alto da minha kkkk beleza facial e de personalidade tb, ent acaba q altas guria se interessava, e eu bobo né, dava papo mesmo sabendo desse meu problema kk. Ok, final de 2019 chegou um dia lá que a mesma mina q eu tinha broxado lá na primeira vez, me chamou pra ir na casa dela (claramente pra gente fuder) e eu em duvida, falei q n podia, por causa desse medo mesmo e sla, acabei indo encontrar uma amiga minha e a gente beijou dps um tempassso q eu tava afim e assim, fez minha noite tlg, n transei, nem brochei kkkk foi ótimo. Ok, vou voltar aqui no assunto da pornografia e falar q, durante o ano inteiro de 2019 eu provavelmente me masturbei quase todos os dias, pra pornô msm (mas nessa época nem tava ligado em questão de estimulo visual ser tãaao importante pra uma possivel brochada) ok, n dava a minima pra quantidade de porno q eu consumia, só seguia a vida msm, achando que todo esse medo aí meu, era problema meu, sla algum problema mental q eu desenvolvi e q era isso, botei na minha cabeça q ia continuar a ver pornografia pq já q eu n ia transar, pelo ou menos o porno ia me satisfazer( QUE ERRO, REPITO QUE ERRO jovem eu de um ano atrás). Aí pra frente é confusão mental atrás de outra, ia pro psicologo nem sabia oq falar, ficava todo perdido, todo vez q eu podia pensar nisso eu pensava e ia fuuundo e paranoia e fantasia de coisa nem ia acontecer, mano, to querendo é chorar escrevendo isso, nunca tinha botado pra fora isso, enfim... final de 2019 li em algum lugar sobre um negocio q chama reboot, que até tem video no TEDx sobre isso e video do Terry Crews falando, que é basicamente vc ficar sem se masturbar por um tempo indeterminado, que aí uma hora tudo ia voltar ao normal, na hora q eu li eu falei "É ISSO, É ISSO, PRONTO VO RESOLVER MINHA VIDA AGR MESMO" mandei msg pro meu psicologo falando q nois tinha q conversar, tava todo animado, cheguei lá, falei pra ele tudo, tudo q tinha rolado, tava rolando e falei disso aí, mas ele n me recomendou eu fazer esse reboot, falou q a masturbaçao é algo importante pro individuo, e sla, me convenceu q era melhor eu só esquecer disso e levar a vida (hj eu lembro disso e assim, meio cuzao ele ne) na hora nem parei pra pensar no negocio, tava lokin das ideia já.
Vo tentar resumir agr, dps desse aí, continuei me masturbando pra porno ainda, as vezes eu tentava parar um tempo por causa de coisa de twitter e pá, mas acabava voltando uma semana dps. Nessa época eu comecei a criar um autoestima fodida em cima disso, foi surgindo assim tb, fui levando a vida como se tudo oq tivesse rolado tivesse sido só uma fase da minha vida e que tinha passado e que eu já tava deboassa em relação a questão de brochar, que na proxima vez q rolasse ia dar certo, tipo, tava bem deboa. Aí né tava confiante, e um belo dia chamei uma mina q tava cvs pra vir aqui em casa, agnt ja tinha ficado uma vez e tava né, com tesão afinzassso, começamo a tirar a roupa foi indo, chupei ela, suavao, aí ela foi me chupar e ele abaixou do nada, sim, no meio do boquete foi pra vala minha líbido, tentei ressuscitar mas n tava indo, bati uma ali mesmo e n foi, minha cabeça já tava a mil, ja´era ne kkk falei pra mim msm, dps agnt fumou um pra ficar dboa e cvs com ela e pá, ficamos suave. Teve mais uma situação com essa mina (acho q eu forço muito né, mas eu tava só querendo botar minha autoconfiança pra cima de certa forma) agnt saiu comeu um burg já naquele estado né, e dps fomos pra casa dela, casa n, escada do prédio e rolou ali msm, oral dos dois, n brochei durante foi suave, mas na hora de penetrar nela o menino abaixou, mas fiquei deboa, respirei e fui estimulando, uma hora deu certo, botei pra dentro e foi(meia bomba kkkkk), foi pouco tempo mas foi, aiai, que saudade dessa sensação meus amigos kkkk enfim, isso era inicio de 2020, daí começou a quarentena e desde entao eu nem saía de casa né, pra pegar alguém (pra nd msm), mas continuei flertando dms ne, cabo que, uma mina lá falou pra eu ir na casa dela pra né e ja botei na cabeça que n, que n ia rolar, que ia dar merda, já pensando na brochada (ô laia) e confundindo minha cabeça, falando q sexo casual é merda (nunca nem fiz sexo casual) só inventando mentira pra disfarçar esse problema meu, enfim, dei perdido na mina. Aí (ta acabando tá? se algm tiver lendo) anteontem uma mina veio aqui em casa, ja tinha combinado a uma semana atras, mas assim kkkkjjjj, imaginando q agnt nem ia transar nem nd, no maximo um boquete e tals, por isso nem fiquei preocupado com broxar e pá, só aquele calafrio basico de trocar ideia com uma mina q tu realmente acha daora, pela primeira vez, pessoalmente (coisa linda) me preparei total, comprei um corre pra gente pitar, comprei umas breja, umas comida, meditei um pouco pra ficar suave e foi né. Ela colou, agnt trocou altas ideia daora (sla eu tava um pouco de receio de ela achar eu meio maníaco de já querer transar direto assim) aí preparei o ambiente como eu disse, fui fazendo um clima rolar alí...rolou... pegação intensa, tava adorando, bão dms, aiai, que mulher minha gente, começou a passação de mão, eu meio passivo ainda, mas tava daora, aí ela tirou meu short e ja comecei a ficar em choke(pelo lado bom) nem tava pensando em nd, aí ela parou assim e perguntou se algm podia ver nois ali (agnt tava no terraço de casa) aí falei q n, mas q sepa era melhor nois ir pro sofa q aí ne, já ficava mais confortavel( eu sou mt burro) kkkkkkkkkkk ta, ai´fomos pra la, nisso eu ja tinha guardado o pau e tava mole já, e mano, voltamo a se pegar(po eu tava desaprendido 7meses em casa) pegação lá intensa, bão dms, ai´vacilei comecei a pensar na famosa broxada, passou um tempo ela tirou minha calça e começou o oral, e adivinha n fiquei duro, e eu acho ela gostosa, acho dms, n creio q esse seja o problema, n creio q o problema seja eu n ter atração por mulher, eu tenho sim, só acho q a pornografia me leva a ter uma rotina, um vício FUDIDO que faz eu me apagar a minha própria mão, a esse ambiente nojento da punheta e de tudo q ela envolve com a pornografia, mano, eu to muito puto comigo msm, pq JÁ SE PASSOU MAIS DE ANO Q TO NESSA MERDA DE SITUAÇÃO PODRE, MANO EU QUERO TER FILHOS UM DIA, EU QUERO TER ESSE PRAZER DE TRANSAR, EU QUERO TER ESSE PRAZER DE VIVER UMA VIDA TRANQUILA SEM TER Q ME PREOCUPAR COM PROBLEMAS DE BROXAR, EU SINTO UM DESCONFORTO TÃO GRANDE COM MEUS AMIGOS, QUE REALMENTE SÃO MEUS AMIGOS E DISCUTEM ABERTAMENTE SOBRE ISSO, MAS NGM NUNCA FALOU SOBRE BROXAR, ME SINTO UM INUTIL NESSE SENTIDO ESCREVENDO ESSE TEXTO. CARAS, EU N QUERO VIVER A VIDA TODA ASSIM KKK NEM FOODENDO, NEM FODENDO. Só quero resolver isso e parar de pensar tanto em coisa que é inútil, amanha ja devo cvs com meu psicologo a respeito pq n da mais, eu fico triste, sinto um vazio imenso em mim dps q isso acontece, se alguem leu até aqui, obrigado pelo o seu tempo, diga aí oq vc acha sobre, ou n tb, se que sabe, enfim, abraços e uma boa noite pra todos. :j
submitted by yooo66666 to desabafos [link] [comments]


2020.10.09 04:51 PolyglotSam Apaixonado por um amigo; Talvez haja reciprocidade, mas o contexto é complexo

Isso também é um desabafo, pq ninguém quer me ouvir dizer, mas eu preciso falar.
Eu (19, M, Bi) sinto que eu estou preso, romanticamente preso. Já cheguei a fazer um post em outro sub, há exatos 1 ano, sobre essa mesma situação, e isso me fez ver q eu tô fudido.
Bom, começando do começo. Eu tenho um amigo, vamos chamar ele de Léo, e ano passado eu e ele estudamos juntos no terceirão. A princípio ele namorava uma menina, e isso me fez acreditar que era impossível existir qualquer lance entre a gente. No entanto, há um ano, eu descobri que ele não é hétero, apesar de estar em um relacionamento hétero, mas sim bi. Isso fez minha cabeça surtar com suposições e idealizações de um possível futuro junto dele. E isso não parou, nem por um momento, ao longo de um ano, mesmo sem convívio diário. Só consigo pensar nele quando eu penso em "amor". Eu me sinto feliz na risada dele. E 99% do tempo eu queria estar no abraço dele.
Ele ainda namora essa menina, que por sinal é bem legal. Por isso, eu me sinto culpado por ainda estar gostando dele. E assim, há algum tempo eu resolvi dizer pra ele como eu me sentia - mesmo sabendo q ele estava comprometido - a fim de tentar me sentir melhor, e ver se só assim eu conseguiria seguir em frente.
O ponto é, eu não quero seguir em frente e esquecer ele. Ele não é super bonito, mas é atraente pra mim. Eu gosto do jeito que ele é quieto, mas quando fala, acerta. Como ele escuta os papos que eu tenho pra falar. Como eu gosto de ouvir e falar o nome dele. Eu me sinto 200% culpado por gostar de uma pessoa que já tem um amor. Mas ainda sim, essa sensação me vicia, a sensação de querer alguém. De estar apaixonado.
Alguns detalhes são importantes: Quando conversei com ele, ele foi super compreensivo, me explicou que ele estava namorando e tudo aquilo, mas em nenhum momento ficou zangado/puto comigo. Eu resolvi perguntar pra ele se, caso não estivesse namorando, a gente rolaria, vulgo se ele tinha interesse em mim. E a resposta foi sim. Isso fez com que eu não desistisse daquela esperança, e, consequentemente, da gente.
Eu não desejo mal à ninguém, e é muito longe de mim desejar o fim do relacionamento alheio, então eu optei só por esperar. E, como é bem raro alguém aparecer na minha vida, fez sentido pra mim. O problema é que eu comecei a analisar que eu só tenho atração por alguém se eu estou apaixonado por ela. Isso impede que eu fique com pessoas aleatórias, pq pra mim não faz sentido. Ou seja, como eu gosto dele, eu acabo sendo o cara que fica sozinho, enquanto ele tá lá, com a namorada. Mas isso não tem nada a ver com ele, até porque eu não falei mais sobre gostar dele depois dessa ultima conversa na qual ele disse q a gente rolaria.
Agora, ele tacou gasolina na fogueira: Em um dia que estávamos jogando, ele flertou comigo, tipo, MESMO. Foi uma piada com conotação sexual direcionada a mim. Quando ouvi aquilo, eu entrei em um mini-pânico e não soube o que responder, mas acabei flertando de volta. Desde então minha mente cria histórias e cenários. E eu to feliz em cada um deles. Inclusive, tentando concretizar esses cenários eu escrevi um conto (muitas páginas, mais do que eu me orgulho em dizer) onde a gente realmente tá junto.
Eu só tô tão triste por estar sozinho, isso faz parecer que eu não mereço ser amado, e ter tudo aquilo que os outros têm. Isso me faz achar que nunca, mas nunca, vou ter alguém do meu lado. Cada chabce que eu podia ter na vida não deu certo por algum motivo. Eu to cansado de sonhar, de ter devaneios com saudade do que eu nunca tive. Eu só queria ele.
TL;DR: Me apaixonei pelo meu amigo bissexual que está num relacionamento hétero; mas que demonstrou ter interesse em mim, mostrando potencialmente um sentimento recíproco. Me invovi romanticamente com uma ideia de futuro e isso me fez ficar preso sozinho com meu coração estando nas mãos de outra pessoa. E, aparentemente, eu não quero seguir em frente.
Opiniões?
submitted by PolyglotSam to desabafos [link] [comments]


2020.09.11 22:06 GhostDogg95 Friendzone

Eu e a menina nos conhecemos e começamos a conversar, ao longo de alguns meses a amizade fica muito boa, então descobrimos que tínhamos mais que um simples interesse em amizade, depois de uma longa manhã onde ela mostrava as provas de "sinais" de interesse durante os meses passados os quais eu não percebi, decidimos tentar um webnamoro(moramos a 800km um do outro, somando com a quarentena e outros fatores, era a solução). Depois de 1 mês, ela acha melhor terminarmos antes que nossa amizade, que é muito boa, acabe. Desde o começo ela sempre falou que não tinha planos para relacionamentos, eu tbm não, mas cometi o grave erro de me apaixonar por ela, mesmo sabendo que nunca ia dar certo entre nós, eu continuava sempre flertando com ela, quem sabe ela mudava de ideia e voltássemos a namorar, mas tudo em vão, a amizade apenas aumentou, fui percebendo cada vez mais que nossas diferenças eram gritantes, eu sou um pé rapado que não tem onde cair morto, ela tem vida de princesa, literalmente, condições financeiras seriam o primeiro empecilho, vida sexual seria o segundo, ela com a mente aberta e eu fechado... Hj eu percebi que ela só me vê como um amigo, talvez um melhor amigo e nada mais, me dói quando eu vejo ela falando sobre outros caras, quando ela dorme com eles, os antigos namorados e ficantes. Não sei mais o que fazer, queria me distanciar pra não me machucar mais, mas ao mesmo tempo eu amo conversar com ela. Já tentei superar ela conversando com outras mulheres mas não é a mesma coisa que com ela. Realmente cheguei num beco sem saída, não sei mais o que fazer, superar esse amor unilateral? Continuar tentando e me ferindo nessa caminhada onde já imagino o destino final? Ao mesmo tempo que me arrependo de ter conversado com ela, eu agradeço de ter ela como uma pessoa na minha vida.
submitted by GhostDogg95 to desabafos [link] [comments]


2020.09.04 15:00 hihydbye ele começou a me tratar como um... cara?

Sou mulher, desde o começo da quarentena tô conversando com um cara que conheci online por frequentarmos a mesma faculdade, ele chegou puxando assunto comigo e a gente se deu muito bem. Pouco tempo depois ele já tava flertando comigo e em poucos dias disse que queria ficar cmg, como eu sou mais lerda nesses assuntos, disse pra ele que precisava de mais tempo pra me interessar por alguém, ele aceitou de boa. Depois disso nos aproximamos cada vez mais, ele virou uma das pessoas mais próximas que eu tenho. Eventualmente, acabei ficando mais carinhosa, no aniversário dele fiz um textinho bem fofinho, em certo ponto eu acreditava estar gostando dele.
Tava tudo indo bem, até que mais ou menos 1 mês atrás ele começou a me chamar de "irmão" e de "cara"... Não sei se tô vendo coisa onde não tem, se é um jeito de falar como "mano" é normal, mas é que ele não me chamava assim antes, sempre usava meu apelido, me tratava de forma mais carinhosa. Também começou me mandar uns assuntos que seriam bem mais convenientes de conversar com um amigo homem, além de fazer piadas envolvendo minha sexualidade, sendo que isso não tem efeito sobre as mulheres quanto tem sobre os homens kkkkkkk????? Aí fiquei achando que ele começou a me enxergar como um amigo, o que me deixa meio chateada... será que tô inventando coisa onde não tem?
submitted by hihydbye to desabafos [link] [comments]


2020.08.09 20:02 Consultor_J Olá, Me desculpe

Olá, Me desculpe. Eu vi sua foto de perfil e eu achei você muito linda nesta foto, ((Eu gostaria de lhe dizer isto)) De fato, É muito raro de ver garotas jogando vídeo games haha! Eu não sei porque isso é tão coisa de garoto e sinceramente eu sou tipo muito contra misoginia e tipo eu sou o cara que estará na cozinha fazendo sanduíches ta ligado? Nós devíamos jogar Left 4 Dead 2 algum dia. É um jogo de zumbi muito legal com vários momentos assustadores. Porém, Não se preocupe, Estarei aqui para protege-la wink Desculpe, Não estou flertando eu juro eu só estou tentando ser amigável pois realmente gostei da sua foto de perfil desculpe será que fui longe demais? Mil perdões, Eu sou realmente muito tímido pois não saio muito haha me adiciona no skype ou no whats nós deviamos conversar mais você aparenta ser bem legal e divertida.
submitted by Consultor_J to Copicola [link] [comments]


2020.07.21 05:48 diskdunny Qual a possibilidade de dar merda?

Bom, sai de um relacionamento tem mais ou menos um mês, e decidi que ficaria sozinha, sem sair flertando com varias pessoas já que a ideia de se apaixonar esta fora de cogitação, pois sou totalmente contra a tapar buracos com outras relações. Nesse momento estou bem comigo mesma e sinto que nao preciso de ninguem, a questão é a seguinte, o cara pelo qual eu era extremamente apaixonada antes do meu ultimo namoro reapareceu, eu sofri bastante pq eu gostava MUITO dele e precisei enfiar meus sentimentos no cu pq ele "não podia me dar o que eu queria, nao agora" mas ai passou, eu parei de sentir tudo e ate ficou meio "errr" quando a gente se fala, perdi aquela animação e tals, ele ta guiando a conversa para um caminho que vejo que é de segundas intenções, e eu pensei pq nao só uns beijinhos? pq era bem bom ficar com ele, agora to refletindo se isso pode ou não dar merda, o que ces acham? eu faço a vontade da minha carne? hehe
submitted by diskdunny to desabafos [link] [comments]


2020.07.21 05:12 man-in_the-box O fundo do poço da “sexualidade”

[REPOST] - postei antes em outra comunidade mas percebi que aqui seria mais adequado. Ja relatei aqui como eu as vezes sofro por ser bvl com 20 anos de idade. Mas hoje eu vi o quao “fudido” eu sou pra esse tipo de questao. Viralizou aquele video ridiculo do gabriel monteiro pm junto com 3 mulheres supostamente “feministas”, que por sinal eu achei bem estranho, e ressalto que nao estou aqui pra ficar tratando de questoes politico/ideologicas, esse nao é meu objetivo. Mas se alguem quiser assistir, percebam que das 3 meninas, a morena (mais branquela) ta sempre dando sinal pra ele, mordiscando os labios, olha pra boca dele, sentou no sofa com o corpo colado no dele, fica evidente que ela tava louca por ele (tem uma cena inclusive que ela pergunta com qual das 3 ele ficaria, isso ja é um sinal de interesse clarissimo). A cena que chamou a atençao de todo mundo foi a que ela questiona ele sobre as pessoas que pensavam sobre ele ser gay, e ela da um beijo na bochecha e um na testa dela, o que deixou todo mundo (inclusive eu), espumando de loucura porque aparentemente ele tinha deixado passar uma chance que veio de graça. Ai depois eu fui ate o perfil dele no instagram e achei um post que ele fez em que ele mostrou o trecho aonde ele beijou a menina porque ja tinha percebido o interesse dela nele e foi tudo consensual, mas o diretor decidiu tirar porque sabendo como as feministas de plantao se comportam, sabia que ele ia ser taxado de abusivo, desregrado, misogino e etc (isso como se o video ja nao parecesse manipulado demais). Mas afinal, o que tem de desabafo nisso? Eu assisti aquilo e FIQUEI TRISTE porque nunca fui alvo de uma atraçao daquele tipo, ou seja, nunca recebi um sinal como aqueles que ela deu pra ele, e sinceramente eu me senti no fundo do poço por perceber que eu me entristeci por isso, ate em festas com amigos meus eu ja me senti assim, quando agente tava numa roda e alguem sumia depois que a mulherada vinha querendo apresentar ele pra “alguma amiga”. Eu to com raiva de mim mesmo (kkkkkkkkk??????????), e mesmo sendo uma pessoa de aparencia e personalidade perfeitamente normais, eu nao vivi isso ainda, mesmo com 20 anos, isso porque meu pai com 15 ja fazia muuuuuuito mais do que apenas beijar garotas da idade dele kkkk. Tinha decidido que 2020 seria o ano de eu tomar uma atitude e depois de uns 3 ou 4 foras na vida eu finalmente conseguiria pegar alguem porque essa vontade que meus hormonios me trazem acaba comigo todo dia, meu desejo por um relacionamento intimo é astronomico, e chegou o covid pra atrasar tudo, e enquanto eu nao volto a fazer exercicio fisico, vigora a lei do “mente vazia é a oficina do diabo” e eu me afundo na masturbaçao sem fim (eu cheguei a ter uma ereçao vendo a menina flertando com o cara, serio eu tenho vergonha de contar isso mesmo no anonimato). É isso rapaziada, precisava compartilhar isso com alguem porque eu nao tava aguentando de tanta raiva, tristeza e decepçao por nao conseguir uma coisa tao simples e tao sem graça mas que pra mim é uma descoberta que eu preciso fazer logo, mas que parece que nao vai acontecer nunca. Obrigado para quem leu, e bons risos, porque a situaçao ta muito bizarra, eu nao sei rio ou choro de mim mesmo.
submitted by man-in_the-box to desabafos [link] [comments]


2020.06.15 22:44 xuminhoho Como deixar de se sentir PATÉTICO? Fico relembrando coisas e me sentindo um imbeciloide.

Aih caras, tinha feito um outro post aqui falando q eu tinha 22 anos, sou gay e finalmente tinha perdido o BV com um amigo q eu curtia muitooo e que tava flertando comigo ja fazia uns 4 meses...
Enfim, ficamos nesse dia q perdi o bv, e aí outro dia a gente saiu pra beber com uns amgos e no final ficou só a gente... Ai ta fomos pra um bequinho perto da minha casa de MÃOS DADAS e nós pegamos la kkk, não sei se foi eu q dei a mão pra ele ou ele q pegou a minha, não lembro, depois eu sugeri q saíssemos daquele bequinho e fossemos pra um morrinho (que ficava uns dois quarteirões pra cima, é um lugar bem fofo e tudo escuro) ai fomos pra la de MÃO DADAS NOVAMENTE, chegando la ele me deitou no morro e começou a me beijar... Ai e pa ficamos uns minutos se beijando ATÉ QUE kkkkkk me deu uma puta vontade de gorfar, falei pra ele parar e gorfei ai ja cortou o clima e falei pra gente ir embora, e ainda quando cheguei em casa q ele medeixou la na porta eu ainda mandei msg falando q eu qria ter ficado mais com ele e pa. Enfim, foi isso, na hra n achei nda demais pq tava bebasso, mas olhando pra isso AGORA eu estou me SENTINDO PATÉTICO e BOBO, PARECENDO COISA D ADOLESCENTE, e acho q fui muito emocionado tbm, sinto q estou vivendo uma adolescência tardia q ta me fazendo se sentir assim se pa ele ficou com a msma impressão o q eu faço reditinhos kkk n qro mais pensar nessa bobeira
submitted by xuminhoho to desabafos [link] [comments]


2020.04.29 06:36 kamiteta minha melhor amiga disse nao :)

(eu acabei de ler um post falando de um cara que ta namorando a melhor amiga e isso me inspirou)
ta. eu entrei nesse colegio novo maneiro e bem acolhedor, e tinha bastante gente legal e ainda mais que eu entrei junto com o meu melhor amigo e isso foi mt sorte, mas sempre foi assim eu tive amigas tive namoradas mas nunca cheguei a tipo amar alguem igual eu amei minha melhor amiga. eu conheci ela por total acaso e a gente começou a ficar bem proximo e intimo a ponto de passarmos madrugadas conversando e flertando e falando de tudo e a gente ficava quase todos os dias. e ela teve uma fase que ela ficava falando uns bglh estranho de tipo. ai a gente daria um otimo casal, ficava mandando flerte de insta tipo a queria tar com a pessoa que eu gosto vendo tal filme e era um filme que a gente tinha combinado de ver junto. e dai um dia eu fiz uma cartinha de namoro tipo essas de colegial pq ela falou que sempre quis um e eu beijei ela e dei a cartinha que era tipo quer namorar comigo sim ou me beija e dei um dia pra ela responder e dai no final do dia ela me fala que precisava falar comigo. e nisso eu ja fiquei arrasado, chegando la eu fui do modo mais disfarçado possivel sorrindo e cumprimentando todo mundo mas minha vontade era so de sentar em posição fetal e botar o fone de ouvido ate o talo. mas nao dava e ela me veio com um papo que nao tava preparada pra namorar agr e eu so concordei e agr todos os meus dias eu penso nisso e so me da vontade de jogar tudo fora e nunca mais falar com ninguem..

mas enfim é isso valeu por lerem ate aq, é bom desabafar
submitted by kamiteta to desabafos [link] [comments]


2020.04.16 21:44 LittleCato5001 A solidão é um estado de espírito, não uma maldição inquebrável.

Muitas pessoas vêm aqui desabafar a respeito da solidão que sentem, sobre como ninguém se interessa por elas, e como irão morrer sozinhas.
Vai doer no ego de vocês, mas acreditem quando digo que isso lhes fará bem: a solidão é opcional.
Ninguém passa uma vida inteira sozinho porque o destino quis. Você realmente acredita nisso?
Um pouco sobre mim: dos 14 aos 22 anos, fiquei sozinho. Nem uma ficante, nada. Minha concepção de mundo na época era a de que eu iria morrer sozinho, pois ninguém me amaria de verdade. Aos 14 anos tive uma namorada, e ela era tudo pra mim; em resumo, o fim do relacionamento foi traumatizante por várias razões e fatos que procederam ao término. 8 anos de solidão. Não fiquei com ninguém, não me apaixonei de verdade por ninguém, escolhi viver sozinho para não ter meu coração quebrado novamente.
Ano passado, algo mudou em mim. Uma necessidade enorme de me sentir amado, de ter alguém ao meu lado para dividir minha vida tomou conta de mim. Bom, sou um cara que saio pouco e sou muito introspectivo, então optei pela linha mais fácil: apps de relacionamento. Baixei todos! Tinder, Happn, Bumble, Badoo etc. os primeiros meses foram difíceis! Nenhum match. Até recebia um número bom de likes, mas nunca dava like em alguém interessado. Comecei a achar que a culpa era dos outros, e minha neurose de que eu deveria morrer sozinho começou a tomar conta de mim novamente. Entretanto, algo me ocorreu: parei de levar em consideração o que meu ego me dizia, e pensei que talvez a culpa fosse, em verdade, minha! Eu era seletivo demais: não curtia perfis de garotas com fotos provocantes, de piercing no nariz, universitárias de faculdades de baixo calão, tatuadas, com nomes estranhos, pra não dizer um monte de outras coisas. É verdade que eu procurava um par perfeito, mas eu estava no mínimo exagerado em meu filtro ideológico. Eu era um merdinha preconceituoso.
Passei a ser mais tolerante, e logo deu resultado. Dei um match, outro, outro, e assim foi. Não foram muitos, mas finalmente eu poderia começar a conhecer mulheres que de fato estavam interessadas por mim.
Bom, não exatamente.
Outra coisa que descobri é como muita gente usa esses aplicativos apenas para inflar o próprio ego. Algumas nem sequer responderam minhas mensagens, e todas as que respondiam claramente não tinham o menor interesse pela minha vida. Queriam apenas ser bajuladas.
Fiquei triste, mas não desisti.
Em um belo dia, algo me chamou a atenção: uma mulher, tão bela mas tão bela, que meu coração palpitou. Mas nem tudo são flores: ela era toda tatuada, fotos provocantes, narguileira, piercings, etc. Eu já havia passado pra esquerda muitas mulheres lindas, porém desse mesmo estilo, mas algo me dizia que eu devia passar pra direita. E o fiz.
It’s a match!
Levei um susto. Não imaginei em um milhão de anos que uma mulher tão bela se interessaria por um cara igual a mim.
Mandei mensagem, e ela logo respondeu, e passou o número dela.
Demos match na quarta à noite, conversamos o dia inteiro na quinta, e saímos na sexta.
E que mulher interessante, que mulher especial!
Aprendi algo muito importante aquele dia: não se pode julgar alguém por meia dúzia de fotos em um aplicativo de paquera. Ela era gentil, culta, bem humorada, muito sensível, extremamente inteligente e muito compreensiva. Logo no primeiro encontro, contei tudo pra ela: que não ficava com mulher alguma faziam 8 anos, que era virgem aos 22 anos, que estava nervoso. Fui sincero, e fiquei com medo de tê-la assustado. Entretanto ocorreu o contrário: ela ficou cativada com minha sinceridade, e achou fofo o fato de eu ser virgem. Não me julgou, não riu de mim, apenas ouviu o que eu tinha a dizer, e me elogiou.
Ao fim do encontro, ficamos. A deixei em casa, e senti um calor muito forte dentro de mim. Acho que eu estava apaixonado, depois de apenas um encontro.
Passamos os próximos dias conversando, e saímos novamente. Dessa vez as coisas estavam mais desenroladas, e já estávamos dando mãos, fazendo carícias e flertando.
Após isso, começou a quarentena.
Fiquei um mês sem ver ela, mas nunca deixei de falar com ela por mensagem, áudio ou vídeo. No inicio, achei que a quarentena esfriaria as coisas, mas ocorreu o contrário: uma expectativa muito grande foi sendo gerada, e fomos ficando cada vez mais íntimos.
Nessa segunda, finalmente nos organizamos de nos vermos. Busquei-a na casa dela, e a levei pra minha. Apenas digo que foi a noite mais intensa da minha vida. Uma noite apaixonante, que nunca irei esquecer.
Hoje estamos apaixonados um pelo outro.
Temos algumas diferenças, mas também temos muito em comum. Ela me faz uma pessoa melhor, mais tolerante, me fez começar a gostar de tatuagens e piercings, e me fez perceber como o ser humano é, de fato, muito complexo.
Moral da história: não desista. Existe alguém muito especial por aí, e você nunca irá conhecer essa pessoa se não sair da sua zona de conforto. Nunca, repito, NUNCA julgue um livro pela capa. O ser humano é extremamente complexo, e muito mais que uma foto de perfil.
Sempre existirá alguém por aí que se interessará por você. Sempre. Não desista. Não desista. Se jogue, corra riscos (bons riscos) e não sinta medo da rejeição. Aceite os outros como eles são. Busque a felicidade!
Texto escrito por um cara que passou 8 solitários anos.
submitted by LittleCato5001 to desabafos [link] [comments]


2020.03.23 20:52 jakeinseto Ele diz que gosta de mim, mas quer ficar com outras pessoas

Meus relacionamentos e os seus poréns.
Começamos a ficar depois do carnaval e foi bem bacana. Ele passou a me tratar com muito carinho, sempre me convidando pra sair, indo a lugares onde eu estava, falando sobre mim com os amigos, fazendo planos, etc. Só que ele disse que não está apto pra namorar no momento e até sugeriu um relacionamento aberto. Lógico que não aceitei a ideia muito bem, mas depois digeri e falei que poderíamos ficar casualmente, contanto que ele parasse de me tratar carinhosamente.
O problema é que o cara continua me tratando como se eu fosse a porra do namorado dele. Eu já conversei sobre isso, mas não adiantou muito. Ele fala que gosta de mim, fica me chamando por apelidos carinhosos e no final das contas ele deve tá lá flertando com outros caras. Eu também estou, não vou mentir, mas se ele me pedisse pra ser exclusivo, eu ao menos tentaria.
Eu quero cair fora, mas tô curtindo ele. Sei que posso sair disso quando eu quiser, mas só queria desabafar mesmo.
submitted by jakeinseto to desabafos [link] [comments]


2020.02.04 01:03 guh56 O intensidade não é mais mesma?

Olá meus amigos, queria tirar uma dúvida e desabafar com vcs, se quiserem, deem suas opiniões por favor :).
Bom, sou um cara de 18 anos tenho minha primeira namorada, ok vamos partir do início, eu tenho um amigo (melhor amigo) que passou o wpp d mina, ele já a conhece ela a um tempinho, bom, ele me passou esse wpp e começou a conversar cmg, ela já me conhecia de vista, ela começou a puxar um papo cmg e tals e ficamos flertando por umas 2 semanas, até q decidimos sair e dar uma ficada, a gente se conheceu melhor, mas eu ñ resisti, acabei me apaixonando por ela, sério msm, amo ela com todo meu coração e Deus sabe disso, no começo de nossas msg (antes de nós ficar) ela a todo momento perguntava se eu tinha a visto pessoalmente, ela ficava me perguntando se a gente tinha chance de ficar, ela se preocupava se eu ia ou ñ gostar da aparência dela, mas eu ñ liguei para isso, pq eu me apaixonei pelo o jeito dela e não pela a estética, enfim, nós decidimos começar a namorar e eu já fui a casa dos pais delas pedir a eles. Mas ultimamente ela ñ tem sido a mesma, ela parece me evitar, entra no wpp, recebe minhas msg e as ignora, não sinto o calor dela de antes, realmente eu continuo a amando muito e essas atitudes tem me desanimado um pouco, será q ela ñ me quer mais?

Me perdoem, é meu primeiro relacionamento e não sei se isso é normal ou passageiro ou se eu estou sendo mto carente.
submitted by guh56 to desabafos [link] [comments]


2019.12.24 04:45 cabeca-de-potato [sexualidade] eu sou hétero mas eu atraio mais homens gays do que mulheres

Pelo amor de Deus, por favor me deem umas dicas. Eu sou hétero e sempre me considerei hétero, mas eu não consigo despertar o interesse de nenhuma mulher, apenas homens gays me acham atraente e um possível parceiro. E eu também já percebi pessoas totalmente desconhecidas acharem que eu sou gay apesar de não ser gay e não ter “pinta” de gay (coisas como tom de voz ou sei lá, espero não estar estereotipando os gays mas geralmente é assim que se reconhece), se eu entro num Tinder da vida pra eu conseguir matchs de mulheres levo semanas, mas basta eu mudar a opção pra homens que eu consigo diversos matchs em questão de segundos (não é exagero pois acabei de testar isso), mulheres NUNCA flertam comigo enquanto que já houveram homens flertando comigo e dando encaradas indiscretas. Será que isso tem haver com a minha aparência? Pois eu não sou aquele “padrãozinho” de hétero bombadinho que tira foto com a mão no volante e tem barbinha fechadinha, sou magrinho que usa óculos, rosto mais “delicado”. Eu to a procura de uma companheira mas fica difícil se toda mulher que conheço pensa que sou gay, eu não me importo com caras gays gostarem de mim mas eu me importo de ser tão desinteressante para o sexo que eu sinto atração, desse jeito a única opção que me resta é virar gay.
submitted by cabeca-de-potato to desabafos [link] [comments]


2019.10.29 01:49 vitor_joao Olá, me desculpe.

Olá, Me desculpe. Eu vi sua foto de perfil e eu achei você muito linda nesta foto, ((Eu gostaria de lhe dizer isto)) De fato, É muito raro de ver garotas jogando vídeo games haha! Eu não sei porque isso é tão coisa de garoto e sinceramente eu sou tipo muito contra misoginia e tipo eu sou o cara que estará na cozinha fazendo sanduíches ta ligado? Nós devíamos jogar Left 4 Dead 2 algum dia. É um jogo de zumbi muito legal com vários momentos assustadores. Porém, Não se preocupe, Estarei aqui para protege-la wink Desculpe, Não estou flertando eu juro eu só estou tentando ser amigável pois realmente gostei da sua foto de perfil desculpe será que fui longe demais? Mil perdões, Eu sou realmente muito tímido pois não saio muito haha me adiciona no skype ou no whats nós deviamos conversar mais você aparenta ser bem legal e divertida.
submitted by vitor_joao to DiretoDoZapZap [link] [comments]


2019.08.15 00:50 fcampos2015 O que vocês fazem no ônibus quando alguém fica te encarando?

Já aconteceu umas duas vezes comigo.
Uma foi com um cara gay (eu não sou gay) e eu só fingi que não estava vendo mesmo.
Outra é agora com uma moça que deve ter uns 17 anos, que vai quase todo o dia no mesmo ônibus que o meu, e fica "flertando" e parece que finge que eu não estou vendo ela.
submitted by fcampos2015 to brasil [link] [comments]


2019.07.21 21:19 didiu14 Muito incomodado por não conseguir flertar com mulheres

Ei pessoal, estou passando por um incômodo que não tinha antes e estou sem saber como lidar com ele.

Tenho 23 anos e nunca fui de sair muito de casa pra festas e coisas do tipo. Porém, há pouco tempo eu comecei tomar gosto por isso e comecei a sair. Minha noite é bem normal: eu vou com meus amigos, conversamos e brincamos uns com os outros, bebo alguma coisa, curto a música e encontro algum conhecido. Não sou extrovertido, tenho uma limitação muito grande pra conversar (como não saía de casa não tenho muitas experiências "legais" pra contar nesses lugares), mas muita gente gosta de mim porque sou simpático e bacana com todo mundo.

Com essas saídas comecei a me interessar por algumas mulheres, que também se interessaram por mim, inclusive algumas conhecidas. Creio que até por conta da idade já estou me direcionando a pensar em relacionamentos mais concretos e coisas assim. Não sou bonito, mas sou apresentável. Sou o famoso "certinho", não sou (e nem tenho a intenção de ser) o famoso garanhão, tenho uma família boa, um bom emprego e mando muito bem nos estudos. Entendo que essas características acabaram sendo chave para esse interesse (das conhecidas, no caso). São mulheres que eu realmente gostaria de conhecer, que "fazem meu tipo".

Tudo certo, mas tem um problema: sou muito tímido pra abordar e conhecê-las.

Numa noite dessas deixei de lado todo o medo que tinha e abordei uma garota. O papo não foi bom, mas pra um cara iniciante como eu também não foi o pior possível. Não ficamos, mas alguns dias depois ela me mandou mensagens e começamos a conversar pelas redes sociais. Depois de alguns dias (conversando e não flertando) resolvi chamá-la pra sair. Ela aceitou. Mas quando encontrei com ela, fiquei muito nervoso. Ela tentou me ajudar tomando o controle da conversa, mas ainda assim não me recuperei. O resultado é óbvio.

Com base neste acontecimento percebi que estou num impasse: as minhas qualidades criam muita expectativa nas pessoas, mas quando vou agir jogo tudo por água abaixo (não consigo conversar, não sei beijar, etc.). Por isso eu não abordo. Saio de casa, tenho vontade, mas não faço nada. Eu estou começando a pensar que estou com medo de machucar meu ego, pois não quero errar e passar essa impressão ruim pras pessoas.

A vontade de desabafar foi grande pois estou muito satisfeito com minha vida e tudo que faço, mas agora apareceu essa questão que me tirou da zona de conforto e não sei como lidar.

Um abraço a todos.
submitted by didiu14 to desabafos [link] [comments]


2019.06.05 22:27 luchoalgusto Garota confusa demais!

Antes de tudo quero pedir perdão pelo meu português, moro na Espanha desde os 12 anos. Atualmente tenho 21 e a garota em questão 22
Faz alguns meses conheci uma garota brasileira também, muito linda e simpática por Instagram. Conversamos algumas vezes e vi que ela tinha namorado, rapidamente comecei a ver ela como amiga, nada além disso. Se bem que desde o primeiro momento eu pensei que ela era a garota perfeita, coincidíamos em absolutamente tudo. Sabendo que ela tinha namorado levei a relação simplemente como amigos. A final de contas ela é uma garota muito agradável. Nos vimos em pessoa algumas vezes, mas tudo ficou realmente na amizade, nada fora disso.
Sexta passada eu estava no bar enchendo a cara com os brother até que começo a conversar com ela pelas DMs do Instagram ela me falou que tinha aberto a relação com o namorado. Não vou mentir, naquele momento meu coração deu um leve aperto. Mas conversei numa boa. Perguntei como tava indo pros dois, aquele papinho. Até que mandei uma foto minha segurando a caneca de cerveja vazia. Ela perguntou se eu estava bebado, falei que ainda não hahahaha. Depois disso ela me diz que vai sair essa noite. Sem pretenção mandei aquele “Talvez a gente se veja”. Ela me respondeu dizendo que ia sair com o namorado.
Porque ela tem que me especificar que vai sair com o namorado? Justamente depois de ter me contando que estava em um relacionamento aberto. Não é estranho? Realmente fiquei confuso mas não dei mais bola para o assunto.
Até que no sábado ela responde um dos meus stories no Instagram perguntando se no domingo eu não queria sair tomar alguma coisa com ela. Otra fisgada no coração. Será que ela quer alguma coisa? Fazia bastante tempo que a gente não se via. Propus a ela de vir a minha casa fazer pão... Sim eu tenho o costume de fazer pão por lazer, todos meus amigos sabem disso. Ela ficou empolgada e disse que sim. Tudo foi como sempre conversa entre amigos. Tomamos duas cervejas enquanto fazíamos pão. Na hora que estávamos na sala esperando o pão ficar pronto ela me contou que teve seu primeiro encontro com um cara no tinder.
Então eu pensei: Se ela tá falando isso pra mim, obviamente ela não me vê como alguém pra ter alguma coisa. Ninguém vai contar isso pra alguém em que você está interesado, isso é um broxol.
Mas o único que ela disse era que o cara era muito baixinho, não falou mais sobre o assunto.
Então eu voltei pro meu palácio mental de análise: Eu sou um cara bem alto (1,90m) será que ela tava querendo dizer alguma coisa?
Ela não falou muito mais sobre o encontro com o cara até que eu perguntei. Ela me contou e depois falei brincando pra ela entrar no tinder e fazer swipe juntos. Realmente coisa de amigo gay, eu sei. Mas eu juro que eu achava que ela só me vê como amigo.
Depois disso eu cantei Ana Capricorniana no ukulele enquanto ela ficava olhando. Nada demais. Ela foi pra casa cada um seguiu seu caminho.
Até que hoje publiquei dizendo que queria uma camisa que tivesse escrito “Odeio negro e imigrantes” de forma irônica, claro. (Sou negro e imigrante). Ela respondeu o storie rindo. Eu falei que faria uma pra ela. Ela respondeu que não poderia usar porque ela é branca. Eu falei que ela poderia usar se tivesse perto de mim. Ela disse “Bom, já temos fantasia de carnaval então”.
Uma hora depois fiz uma enquete nos meus stories no Instagram com duas respostas “Crush ou Amigo”. Ela respondeu o storie dizendo que os dois. Minha única reação no momento foi dizer “Oh boy”. Ela depois me disse que eu sou um pouco crush tocando o Ukulele. Continuamos conversando fazendo piada meio que flertando. Até que eu vejo os meus stories que ela voltou lá e votou em Amigo. Eu respondi com um gif de uma garota brava. Ela disse “Ficou bravo” e mandou outro de um velho chorando.
Gente o que essa garota quer? Sou um maluco só caralho??
submitted by luchoalgusto to desabafos [link] [comments]


2019.05.01 01:44 Dingbacon Assexual ?

Já faz um bom tempo que me pergunto se sou assexuada, pois não consigo sentir nada quando beijo alguém.
Quando era criança (por volta dos 11 e 12 anos) beijei pela primeira vez meu melhor amigo, e na época eu gostei e queria continuar, fizemos isso algumas vezes até ele mudar pra longe do meu bairro. Anos depois, quando já estava com 17 anos, sai com um garoto da mesma escola que eu (não éramos amigos e não tinha nenhum tipo de sentimento envolvido), ficamos e não consegui gostar do beijo, cheguei até a pensar que eu não estava beijando direito, continuamos a sair algumas vezes e nunca sentia nada.
Ano passado, já na faculdade, comecei a sair com um amigo meu e nunca saimos do selinho, que eu até cheguei a gostar uma vez, mas nunca aprofundei o beijo porque ficava imaginando que não iria gostar do mesmo jeito que não tinha gostado do último cara com quem tinha saido, no final contiuamos só amigos na faculdade.
Uns dias atrás eu sai com um cara e novamente não senti nada no beijo, pelo o contrário, esse em específico eu realmente não tinha gostado já que era muito babado e ele não abria a boca (nossos dentes até bateram algumas vezes).
E agora fico pensando se o problema sou eu ou se não estou dando sorte no beijo, pois eu sinto atração por pessoas do sexo oposto, já tive até mesmo sonhos eróticos à noite ou me imagino ficando com a pessoa, mas sempre tive esse problema em relação a gostar do beijo.
Sinceramente, eu poderia muito bem ter ficado só flertando com essas pessoas (o que eu gosto de fazer) e só ter pulado a parte do beijo.
submitted by Dingbacon to desabafos [link] [comments]